ENCONTROS QUINZENAIS DE LINGUÍSTICA SISTÉMICO-FUNCIONAL  

 

Encontro 33º

   

10 de Janeiro de 2008, Quinta-feira, às 16:30 h.

 

 "O QUE É PROTAGONISMO JUVENIL?": UMA ANÁLISE DISCURSIVA CRÍTICA NO CONTEXTO DO MNMMR 

Viviane de Melo Resende (UnB, Brasil)


Neste trabalho apresento uma análise discursiva crítica de um recorte de interação de grupo focal levada a cabo junto à Comissão Local do Movimento Nacional de Meninos e Meninas de Rua no DF, Brasil (MNMMR/DF). O MNMMR é uma organização não-governamental, com comissões locais em diversos estados do Brasil, voltada para a garantia dos direitos de crianças e adolescentes, tendo como base o Estatuto da Criança e do Adolescente. No grupo focal em questão estiveram presentes jovens que na infância e adolescência participaram do Movimento e que na juventude mantiveram algum vínculo com a instituição, em alguns casos tornando-se líderes de núcleos de base do Movimento em suas comunidades, na periferia de Brasília. O recorte faz parte do corpus de uma pesquisa mais ampla, de caráter participativo e multimetodológico. O objetivo da análise apresentada neste seminário é investigar a negociação acerca de um significado em conflito no âmbito do Movimento: o de protagonismo juvenil. Embora seja um conceito considerado central às atividades da organização, nota-se que não há consenso acerca de seu significado. A análise baseia-se em três aspectos da interação: a discussão em torno da questão “o que é protagonismo juvenil”; a oposição entre dois significados de protagonismo que emergem no recorte – o protagonismo no controle da própria vida (no mundo da vida) e o protagonismo nos espaços políticos (na esfera pública); a contradição entre a necessidade de autonomia para se excercer ação protagonista e a dependência de uma instituição legitimadora. A análise dos dados permite uma reflexão acerca de contradições internas do Movimento e do caráter demasiado discursivo do protagonismo juvenil.

Viviane de Melo Resende é licenciada em Letras pela Universidade Federal de Viçosa, Brasil, Mestre e doutoranda em Linguística pela Universidade de Brasília (UnB), Brasil, onde atuou também como professora de Leitura e Produção de Texto. Vice-coordenadora do Núcleo de Estudos de Linguagem e Sociedade (NELiS) do Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares (CEAM) da UnB. Membro da Red Latinoamericana de Análisis Crítico del Discurso sobre las personas sin techo y en extrema pobreza.