ENCONTROS QUINZENAIS DE LINGUÍSTICA SISTÉMICO-FUNCIONAL  

 

Encontro 49º

   

23 de Abril de 2009, Quinta-feira, às 16:30 h.

 

Título a indicar

 

Maria Goreti Monteiro (ESTG-IPLei/ FLUL/ CEAUL)

ESPAÇO

ESPAÇO

Os desafios de sobrevivência/crescimento económico das empresas devem hoje passar pela consciência da importância da comunicação no seu discurso. Pelas suas práticas discursivas, podemos analisar a forma como as empresas se constroem, como se representam, o que “dizem sobre si próprias”.
Nesta apresentação, analisar-se-ão algumas práticas discursivas, textos e imagens, e as representações que daí resultam, no género multimodal website de uma empresa portuguesa. Para a prossecução deste objectivo, seguir-se-ão os estudos de Kress e van Leeuwen (1996, 2006) e o sistema da Transitividade de Halliday (1994, 2004).
Os resultados obtidos com a análise efectuada serão articulados entre si no sentido de identificar e interpretar representações (de valores e de imagem institucional) criadas através do género textual em análise como parte integrante da(s) cultura(s) do grupo empresarial em estudo.

ESPAÇO

Gorete Marques é Assistente na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Leiria, nas áreas de Português Língua Materna e Estrangeira, Francês Língua Estrangeira e Técnicas de Comunicação. É licenciada em Línguas e Literaturas Modernas – variante Estudos Portugueses e Franceses, pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (1997), pós-graduada no Ramo de Formação Educacional em Estudos Portugueses e Franceses pela mesma Instituição (1999) e Mestre em Estudos Franceses, pela Universidade de Aveiro (2004). É actualmente doutoranda em Linguística Aplicada, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e investigadora do Grupo de Investigação Discurso e Literacia do ILTEC-Instituto de Linguística Teórica e Computacional.