ENCONTROS QUINZENAIS DE LINGUÍSTICA SISTÉMICO-FUNCIONAL  

 

Encontro 42º

   

23 de Outubro de 2008, Quinta-feira, às 16:30 h.

 

A MÍDIA E O CÂNCER INFANTIL: UMA ANÁLISE CRÍTICA DE PRÁTICAS DISCURSIVAS E SOCIAIS

 

Carmem Caetano (UnB, Brasil)

ESPAÇO

ESPAÇO

Neste trabalho apresento uma análise discursiva de recortes feitos em textos veiculados pela mídia escrita em Brasília - Capital do Brasil. O recorte faz parte do corpus de uma pesquisa mais ampla, de caráter participativo e multimetodológico. O objetivo da análise apresentada neste seminário é examinar e analisar como o discurso da mídia impressa focaliza o câncer infantil à luz das práticas discursivas e sociais envolvidas. Destacarei os elementos lingüísticos que possam possibilitar uma investigação sobre questões identitárias, de poder e ideologia. As bases teóricas são a teoria social do discurso (Fairclough, 1989,1992,1995; Chouliaraki & Fairclough, 1999; Fairclough,2003); o funcionamento da ideologia (Thompson,1995); identidade (Woodward, 2002; Hall, 2003; Castells 2003; Giddens, 2000). A metodologia para a análise dos dados será a Análise de Discurso Crítica coadunada com a Linguística Sistemico Funcional. Destacarei que os resultados obtidos sugerem que é possível apontar vários fatores que determinam o atrelamento da indústria da mídia a interesses econômicos e políticos.concretos.

ESPAÇO

Marta Carmem Jená Machado Caetano é licenciada em Letras pela Universidade de Brasília (UnB), Brasil. Mestre e doutoranda em Linguística pela mesma universidade, onde foi também docente de Introdução à Linguística, de Processos de Leitura e Escrita, entre outras tantas. Membro do Núcleo de Estudos de Linguagem e Sociedade (NELIS) do Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares (CEAM) da UnB, membro da Associação Brasileira de Linguística (ABRALIN).